Economia

Paulo Afonso - 19/03/2010

Produtos da Semana Santa estão em média 5,2% mais caros este ano

Jornnal A tarde
Iracema Chequer / Agência A TARDE
O quilo do camarão  (foto) em Paulo Afonso esta sendo comercializado a R$ 25,00
O quilo do camarão (foto) em Paulo Afonso esta sendo comercializado a R$ 25,00

Não é só na decoração dos mercados que se nota a chegada da Páscoa. O consumidor já sente o impacto do período no bolso, com o encarecimento dos produtos da Semana Santa, que estão em média 5,2% mais caros em todo o país. Na Bahia, os preços dos ovos de Páscoa aumentaram 5% em relação ao ano passado, enquanto peixes em geral e bacalhau subiram cerca de 6%, em comparação com o mês anterior. De acordo com o presidente da Associação Baiana de Supermercados (Abase), Teobaldo Luiz da Costa, a alta do ovo de Páscoa corresponde à correção da inflação no ano, já o aumento verificado no peixe, tipo de produto mais procurado na capital e cujo consumo chega a dobrar, tem a ver com o encarecimento proporcional garantido pelos próprios fornecedores. Na Bahia, o presidente da Abase estima que as vendas nos dias que antecedem a Semana Santa, de 28 a 1º, cresçam até 30%. "O movimento nos supermercados cresce muito nesta época. Depois no Natal, é a segunda melhor semana para o setor, pois o pessoal reúne a família e come muito", afirma Teobaldo. Segundo o presidente da Abras  Sussumu Honda, os supermercadistas estão absorvendo parte desse aumento, já que os preços dos produtos pagos aos fornecedores subiram 6,8%, um pouco mais do que os 5,2% repassados ao consumidor - em 2009, havia sido ainda maior, 10,6%. Seja como for, o setor estima crescimento de 8,8% nas vendas ligadas à Páscoa. Nacionalmente, os ovos de chocolate subiram cerca de 4,6%, enquanto o bacalhau aumentou 3,5%, e o peixe, em geral, 6,6%. A maior alta é a do vinho importado, de 9%. Mas, para quem não abre mão dos ovos de Páscoa, há uma grande variedade de ofertas que permite a escolha de acordo com as possibilidades. Nas prateleiras, o consumidor encontra desde os menores e mais baratos aos mais caros e sofisticados. É possível pagar R$ 9,90 por um ovo de 120 gramas, R$ 17 a R$ 20 por um de número 15, R$ 28 a pouco mais de R$ 30 por aqueles de numeração 20, até R$ 40 ou mais por um de 500 gramas. 

  Ceia "salgada" - Se o assunto é a ceia da Semana Santa, não dá para não pensar em um bom bacalhau, para os que preferem o cardápio convencional, ou mesmo a típica opção regional da comida baiana. Em todo caso, o certo é que os preços também estão mais salgados, e a tendência é aumentar na próxima semana.


Últimas

1 até 20 de 1812   Próximo »   Último »
Busca



Enquete

Para qual partido Jair Bolsonaro deve ir ao deixar o PSL? Vote na enquete!


































Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados