Política

Paulo Afonso (BA) - 21/09/2011

Câmara de Paulo Afonso vai aumentar número de vereadores

Luiz Brito DRT/BA 3.913

Mesmo sem ainda ter sido submetido à discussão, a Câmara de Paulo Afonso apesar da negativa de uma minoria, deve aumentar o número de vereadores na Casa. Restando apenas resolver se o número sobe de 11, 13, ou para 15.

"Existem três frentes de defesa na Casa. Uma defende o acréscimo para 13, outra 15 e a terceira a manutenção das atuais onze cadeiras. O que temos certeza até o momento é de que o número atual (11) não permanecerá nem a quantidade subirá para mais de 15", detalha o presidente Regivaldo Coriolano (PC do B), que, junto com a bancada de oposição, defende o número 15.

A votação da matéria será feita em sessão extraordinária, como determina o Regimento Interno da Câmara. Depois da aprovação em primeiro turno, o projeto será votado uma segunda vez (segundo turno), sendo que essa consagração pode acontecer até dez dias após a primeira. O assunto, durante muito tempo tem gerado polêmica entre os edis.

O presidente da Casa, Regivaldo Coriolano da Silva, já havia se posicionado favorável ao aumento no número de vereadores. Já o trio Juvenal Teixeira, Petrônio Nogueira e Gilson Fernandes é do bloco do contra tendo em vista - entre outras questões - a dificuldade de administração financeira do orçamento. Os parlamentares estão cientes de que, mesmo aumentando o número de representantes na Câmara, o repasse do município não sofrerá aumento.

O orçamento atual do Legislativo é superior a R$ 400 mil. e representa uma média de 6% da arrecadação também anual do município. O aumento no número de parlamentares significa que haverá redução nos ganhos deles próprios, tendo em vista que o grupo já garantiu que não pretende reduzir gastos a partir do quadro de pessoal da Casa.

 

 


Últimas

1 até 20 de 5822   Próximo »   Último »
Busca



Enquete

Para qual partido Jair Bolsonaro deve ir ao deixar o PSL? Vote na enquete!


































Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados