Economia

Paulo Afonso - Bahia - 21/09/2021

DICAS EMPRESARIAIS Independência Financeira: O que devo fazer para ter?

Leobson Teles
Foto: Divulgação

Antes de falar o que vem a ser Independência Financeira, queria compartilhar com vocês qual seria minha definição ou opinião quanto a esse tópico. A Independência Financeira, é você diante de suas ações e resultados não depender de ninguém para sobreviver financeiramente em um mercado tão competitivo, e se possível, ir muito mais além, não dependendo nem da sua fonte atual de renda.

Você deve estar perguntando: O que devo fazer para chegar a este patamar? 

Vamos lá, te explicarei!!!

O primeiro passo é até um pouco óbvio, é você avaliar o QUANTO VOCÊ GANHA, pois quanto mais você ganha, maior será o potencial para que você se torne independente financeiro, só que isto não é o suficiente, por que não adianta você ter um salário de R$ 50 mil por mês e não saber como poupar, guardar ou investir os seus ganhos.

Desta forma, determina-se que o próximo passo é o de SABER POUPAR, neste passo os empresários têm uma vantagem extra ou uma grande chance de ter melhores rendimentos que os trabalhadores assalariados, pois a partir do momento que eles recebem do seu Pró-labore, ainda podem complementar sua renda com a retirada semestral ou anual na distribuição dos lucros da empresa. Dependendo somente de você saber organizar seu negócio e com ele gerar grandes lucros.

Então, procure avaliar sempre o quanto de fato você está poupando de sua renda mensal. Acredito que se você não consegue poupar com o pouco que recebe, não será ganhando muito que o tornará capaz de poupar. E a regra básica e geral é simples, guarde pelo menos 10% de tudo que conquistou, lembrando que quanto mais guardar, mais seguro e preparado para o futuro ou qualquer intemperes estarás.

O terceiro passo é a RENTABILIDADE DOS SEUS INVESTIMENTOS, investir no tesouro direto é um grande caminho, mas se você aprender a diversificar os investimentos e aplicar em fundos de investimentos, ações, renda fixa, tesouro direto, ou seja, fazer um mix e investir onde ofereça riscos que você aceita assumir e tenha mais rentabilidade, irá levar a um caminho de valorização sobre todo a sua renda poupada, podendo até mesmo dobrar o seu ganho.

Estes três passos supracitados, QUANTO VOCÊ GANHA, SABER POUPAR e a RENTABILIDADE DOS SEUS INVESTIMENTOS, são passos que estão sobre o seu poder, controle ou domínio, pois tudo depende do quanto você está predisposto a lutar e fazer isto acontecer ou melhorar em sua vida.

O quarto passo é o TEMPO, por mais que você não tenha poder sobre ele, mesmo assim, o tempo dependerá do seu foco ou interesse em querer de fato alcançar a sua liberdade ou independência financeira. É você acreditar que independente das circunstâncias, não podemos nos amedrontar e vivermos na inércia ou homeostase e sim, estabelecermos nossas metas, planejarmos estrategicamente, persistirmos e sermos comprometidos em tudo que acreditamos.

 

Então não esqueça, o QUANTO VOCÊ GANHA estará diretamente proporcional ao sucesso do seu negócio, então crie ou torne seu negócio lucrativo (SABER POUPAR), organizado, que cresça, que resolva os problemas dos seus clientes e com um modelo de negócio que permita expandir (RENTABILIDADE DOS SEUS INVESTIMENTOS), assim sendo, invariavelmente, com o passar do TEMPO você estará ganhando mais e vivendo melhor.



Últimas

1 até 20 de 2063   Próximo »   Último »
Busca



Enquete

Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados