Política

Paulo Afonso - Bahia - 31/03/2021

Popular questiona estratégia de desinfectar ambientes abertos contra a Covid-19

Luiz Brito
Foto: Divulgação

Cenas de funcionários da saúde e caminhões desinfetando ruas voltaram a ser recorrentes em Paulo Afonso. O trânsito de homens e caminhões dispersando soluções químicas por ruas vazias podem dar à população a impressão de que o governo está combatendo o novo coronavírus. A ação foi retomada no último sábado (27), com a finalidade de desinfectar cerca de 50 ruas da ilha e do BTN.

Não há base científica para os grandes programas públicos de desinfecção. É, na melhor das hipóteses, uma grande perda de tempo. O pior é que estamos despejando desinfetantes desnecessários no meio ambiente, avalia um popular.

A maior parte das transmissões do coronavírus vem de gotículas de uma pessoa infectada, não de superfícies contaminadas. Em Paulo Afonso embora o secretário de Saúde, Luizinho da Embasa insista, não há evidências de desinfetantes contra o coronavírus. mesmo com toda eficácia da água sanitária. Por essa e outras indagações, embora seja uma medida adotada no enfrentamento à Covid-19, a atividade esta sendo apelidada de “Operação Quero Mamar”.

“Não tem que haver nenhum desespero em ficar desinfetando superfícies e gastando dinheiro com isso”, finalizou um popular.


Últimas

1 até 20 de 7180   Próximo »   Último »
Busca



Enquete

Qual o principal sentimento que você tem em relação à pandemia da Covid-19?








Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados