Política

Paulo Afonso - Bahia - 01/12/2020

Propostas de redução dos salários de prefeito, vice e vereadores são rejeitadas na Câmara de Paulo Afonso

Texto: Luiz Brito DRT 3.913
Foto: Divulgação
Com isso, vencimentos dos agentes públicos para o próximo mandato continuam os mesmos
Com isso, vencimentos dos agentes públicos para o próximo mandato continuam os mesmos

Os vereadores rejeitaram na sessão virtual desta segunda-feira, 30, emendas modificativas aos projetos que fixam os salários do prefeito, vice-prefeito, secretários municipais e vereadores para o período de 1º de janeiro de 2021 a 31 de dezembro de 2024.

As emendas, apresentadas pelos vereadores Marconi Daniel Melo Alencar (PODEMOS)  e Mário Cesar Barreto de Azevedo (SOLIDARIEDADE) reduziam os salários dos agentes públicos de Paulo Afonso.

A emenda de Marconi Daniel sugeria que o salário do prefeito fosse reduzido para R$ 24 mil, o vice – prefeito, 12 mil. O salário dos secretários  ficaria mantido nos atuais 12.

Já a emenda de Mário galinho estipulava o salário dos vereadores em R$ 9.600,00 (atualmente são 12.000,27)

As propostas de Marconi Daniel e Mário Galinho foram rejeitadas por 11 votos a 3.

Votaram contra os vereadores:

-Jean Roubert

-Zé Carlos

-Zezinho do INSS

-Leda Chaves

-Leco

-Bero do Jardim Aeroporto

-Marcondes

-Cícero Bezerra

-Zé de Abel

-Edilson Medeiros

-Moreirão

Votaram a favor das emendas:

-Mário Galinho

-Marconi Daniel

-Bero do Jardim Bahia

Com a rejeição das emendas, os projetos originais foram aprovados, mantendo os mesmos salários que os agentes públicos de Paulo Afonso recebem atualmente: R$ 33,7 (prefeito), vice-prefeito 14.000,  secretário, 12.000, e vereador 12.0007. Para ter validade, as propostas de emendas aos projetos de lei necessitavam de maioria simples para serem aprovadas.

Posicionamento

Em conversa com a redação do SITE, o vereador Mário Galinho disse entender  que a redução dos salários dos agentes públicos “seria razoável dentro do momento que vivemos no país, estado e cidade”.

 

Já o vereador reeleito, Marconi Daniel afirmou que as reduções propostas seriam suficientes para manter o legislativo e o executivo funcionando. “A população clama por isso. Esse dinheiro que sobraria, automaticamente, voltaria para a população”. “Vamos isolar interesses e vaidades e fazer valer o nosso senso do razoável, do adequado, do responsável”.

 


Últimas

1 até 20 de 6973   Próximo »   Último »
Busca



Enquete

O que o pauloafonsino espera da gestão do prefeito reeleito Luiz de Deus?




Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados