Opinião

Paulo Afonso - Bahia - 23/06/2020

Contem outra piada

Luiz Brito DRT;BA 3.913

O decreto de isolamento baixado  pela prefeitura da terra da energia,  restringindo as atividades comerciais apenas aos setores essenciais, está chegando ao seu final de maneira melancólica. A sua eficácia ficou muito abaixo do que dela se esperava. E nessa Ópera-Bufa de circo mambembe, com atores caricatos; temos que botar no picadeiro principal a grande maioria da população, que não esteve nem aí, as aglomerações continuaram, com os comércios que foram atingidos pelos decretos abertos descaradamente, igrejas evangélicas continuando com seus cultos, enfim, o isolamento foi uma grande farsa encenada pela maioria do povo e entidades. E os dirigentes das entidades comerciais, na maior cara lisa  choramingando que a decisão estava quebrando os comerciantes, que o desemprego estava aumentando. Desemprego aumentando? Antes da pandemia o município sempre esteve com a taça de campeão do desemprego. Somos um município com uma população que em sua grande parte vive dos bons salários da prefeitura, o exército, da Gard e da bolsa família. E só agora estes senhores descobriram que, em Paulo Afonso existe pobre e desemprego? Só acordaram porque mexeu nos seus bolsos? Contem outra piada! . A prefeitura  também têm que estar como ator principal no picadeiro deste circo dos horrores. Qual foi a fiscalização da prefeitura para fechar os comércios que estavam abertos ilegalmente? Vamos jogar claro, sem chiliques, a fiscalização foi quase zero! Agora, antes da pandemia, quando era para multar motoristas, la estavam eles todos os dias nos cantos das ruas de caderneta na mão metendo multa. E tome multa! 


Busca



Enquete

Você acha que a Prefeitura deve liberar o comércio, manter como está ou fechar de vez?




Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados