Opinião

Paulo Afonso _ Bahia - 10/01/2020

Anderson Gomes: Qual a importância de se interessar por política?

Anderson Gomes da Silva.
Anderson Gomes. Foto: Reprodução.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Qual a importância de se interessar por política – e de entender pelo menos o básico sobre o assunto? Confesso que relutei a começar a escrever sobre esse tema, afinal dizer que política é importante é chover no molhado.
Por exemplo: você já deve ter ouvido que o homem é um animal político – conceito de Aristóteles. Fazemos política a todo momento, afinal precisamos tomar decisões que afetam a coletividade a toda hora.

Muito provavelmente você também já ouviu a famosa frase de Arnold Toynbee (ou alguma versão dela):

“O maior castigo para aqueles que não se interessam por política é que serão governados pelos que se interessam.” O primeiro passo para mudar é entender.

Tudo precisa começar de algum lugar. Pode ser que a ideia de engajamento político remeta a coisas como se filiar a um partido ou associação, frequentar assembleias e reuniões, fazer protestos, discursar, bater boca, entre outras atividades pouco confortáveis.

 Mas por que não começar pelo básico, como aprender mais sobre o sistema político no Brasil? Coisas como o sistema proporcional em lista aberta, o modo como se financiam as campanhas eleitorais, e o processo para que um candidato consiga ter a chance de concorrer a um cargo eletivo? Acredito que buscar informação e criar gosto pela política é aquele primeiro passo que falta para você se tornar um cidadão mais consciente e engajado. Estamos às vésperas das eleições municipais, mas não quaisquer eleições municipais, uma eleição que vai ser permeada por assuntos complexos que rondam nosso noticiário diariamente.


Busca



Enquete

Dos pré candidatos abaixo relacionados quem vc acha que tem chance de se eleger?











Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados