Política

Paulo Afonso - Bahia - 20/07/2019

Prefeitos e vereadores reagem à exoneração de comandante da PM

Luiz Brito DRT/BA 3.913
“constrangimento poderia ser evitado, dizem prefeitos e vereadores da região.
“constrangimento poderia ser evitado, dizem prefeitos e vereadores da região.

Repercutiu negativamente em Paulo Afonso e na região, a postura do governador Rui Costa (PT) e do Comando-Geral da Polícia, Militar que afastou das funções de comandante do 20º BPM, o tenente-coronel PM Carlos Humberto tido como responsável pela desarticulação e prisão de dezenas de bandidos e quadrilhas do crime organizado, inclusive da região de Ibó.

A repercussão do ato do governador foi imediata e o oficialato agora se mostra indignado com a decisão. Como se sabe, o “Cachorrão” é um militar conhecido como bastante operoso e, desde sua designação, inclusive no atual governo, a cidade tinha reduzido significativamente os índices de violência que andava galopante.

A exoneração sem explicações prévias do governo do Estado e da própria Secretaria de Segurança Pública provocou uma revolta generalizada em grande parte da corporação e dos prefeitos e vereadores das cidades onde a instituição tem atuação, insatisfeitos com o tratamento dispensado pelo Governador do estado.

Queremos prestar nossa solidariedade com o coronel Carlos Humberto, profissional exemplar, que dedicou sua gestão em defesa da população. Recebemos a notícia com surpresa, pois na nossa concepção, o caos na segurança publica não será resolvido mudando o comandante do 20º PBM, é uma visão muito pequena do governador que diz que segurança é prioridade.

A exoneração do militar foi publicada no Diário Oficial neste sábado 20/07 e repercutiu bastante dentro e fora dos quartéis. Falou mais alto para Rui Costa as conveniências políticas em detrimento do combate ao crime organizado na região de Paulo Afonso

Prefeitos e vereadores das acidades atendidas pelo 20º BPM demonstraram solidariedade ao coronel que todos identificam como um homem integrado e defensor da tropa.   O descontentamento dos prefeitos da região se volta para o governo do estado e para a Secretaria de Segurança. Nas postagens, amigos de farda destacam a simplicidade e a fidelidade do coronel para com seus comandados.

Deixamos aqui, portanto, nossa solidariedade à briosa Polícia Militar da Bahia,  que no dia de hoje (sábado, 20), foi mais uma vez ultrajada pela política clientelista do governo Rui Costa na segurança publica.

Apesar da “surpresa negativa”, políticos da região ainda estão  excessivamente otimistas com a possibilidade de o governador Rui Costa  rever  a posição tomada, sob pena de se sentir culpado por tamanha injustiça.  

 

 

 

 


Busca



Enquete

Qual a sua posição sobre projeto de abuso de autoridade? Sou contra




Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados