Economia

Paulo Afonso - Bahia - 31/01/2019

Produtores participam de Encontros Técnicos de Piscicultura

Luiz Brito DRT/BA 3.913
Foto: Reprodução

Os piscicultores do território Itaparica e associados da PEIXE SF se encontraram com técnicos e consultores para discutirem sobre como ter mais qualidade e rentabilidade na produção de tilápias. Nos eventos que aconteceram em Petrolândia na terça 29.01, e em Paulo Afonso na quarta 30.01, foram patrocinados pela Alltech do Brasil, empresa que desenvolve produtos de ponta para a nutrição na aquicultura. Os encontros contaram com o apoio da Bahia Pesca, Sebrae, PEIXE SF, PRORURAL e IPA e tiveram a participação de 115 piscicultores e técnicos.

A zootecnista Luciana Lacerda apresentou a palestra sobre a qualidade e segurança alimentar na produção e comercialização de tilápias "competimos no mercado de filé de tilápias e esquecemos o mercado da periferia das cidades e das feiras livres como uma grande opção para escoar a produção de forma pulverizada para um público que deseja o consumo de proteína de qualidade a preço justo".

O Doutor em Aquicultura Fernando Kubitza falou sobre a importância da nutrição e do manejo para a tilapicultura. Kubitza enfatizou a importância do manejo nutricional e da necessidade de ferramentas de controle e gestão para sobrevivência nos momentos de crise. Kubitza finalizou sua apresentação enfatizando que  "sem a união de todos ficará cada vez mais difícil".

Para o Coordenador Técnico da Alltech Fábio Rodrigues essa é uma primeira aproximação com a região. "Estamos presentes na região com soluções testadas para melhorar o desempenho da criação de tilápias". A Alltech confirmou o interesse de estar presente no FESTTILÁPIA 2019 que acontecerá em paralelo com XI Semana de Engenharia de Pesca no período de 02 a 06 de setembro de 2019.

Para o gerente regional da Bahia Pesca e Presidente da PEIXE SF Anttonio Almeida Junior esses eventos "estimulam a troca de conhecimentos e de experiências e fortalecem o associativismo empresarial".  A PEIXE SF é uma entidade representativa da piscicultura na da região dos Lagos do Rio São Francisco e , segundo Almeida Júnior "somente juntos encontraremos a solução dos problemas que são comuns aos piscicultures da região como a segurança jurídica da atividade através da legalização dos empreendimentos, a implantação das unidades de beneficiamento e, principalmente, a questão da retirada das macrófitas aquáticas - baronesas e elódias - do lago de Moxotó que tem prejudicado não só a atividade da piscicultura  mas também o turismo e a captação de água para consumo humano e para a irrigação" finalizou.


Últimas

1 até 20 de 1728   Próximo »   Último »
Busca



Enquete

Em sua opinião, qual é o vereador (a) mais atuante em Paulo Afonso?
















Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados