Política

Paulo Afonso - Bahia - 10/10/2018

Val Oliveira alimentava esperança na vitória

Luiz Brito DRT/BA 3.913
Foto: Reprodução

Esta não foi a primeira nem a segunda vez que o nome do pauloafonsino Dernival Oliveira Júnior, de 53 anos, esteve nas urnas como candidato a deputado Estadual. Este ano sua trajetória durante a campanha indicava que inevitavelmente ele seria eleito, contudo, o resultado da eleição de domingo (7) não foi favorável ao presidente da Bahia Pesca. Além de Val, outros candidatos igualmente  se decepcionaram  após a contagem dos votos. O resultado em nível local garantiu a reeleição apenas do deputado Estadual Paulo Rangel (PT) com 3.910 votos em Paulo Afonso, que se reelegeu com 48.296 votos para o quinto mandato.

Sobre Val Oliveira, que na eleição anterior  chegou a 32.303 votos no total, sendo mais 12.646 somente na cidade de Paulo Afonso. Agora ficou apenas com 5.304 votos, uma queda significativa, que nem Freud explica.

Mesmo quem conseguiu 39.460 votos como o ex-prefeito Anilton Bastos Pereira (PODEMOS) não conseguiu garantir a vaga, pois à sua frente no mesmo partido estavam outros candidatos que fizeram mais votos. Para entrar, Anilton deveria ter obtido, no mínimo, mais de 42.000.

Embora visivelmente abatido com resultado, Val Oliveira ressaltou:  “Agradeço aos que confiaram seu voto a mim. Por onde passei, seja na Câmara de Paulo Afonso, como vereador e presidente e mais recentemente na presidência da Bahia Pesca, procurei trabalhar bastante e honestamente, proporcionando expressivos resultados para a Bahia, principalmente para o interior. Todavia, meu esforço para prestar contas do que fiz não foi suficiente. Lamento pelos que depositavam esperanças num futuro mandato. Curvo-me à decisão do povo, meu muito obrigado”.

Entre os candidatos a deputado estadual que mais se envolveram na campanha em Paulo Afonso e região estavam Valmir Rocha (PCdoB), Roosevelt Carvalho,  quem mais ganhou votos na cidade para foi o vereador Mário Galinho(SD), que recebeu 7.951 votos.   

O candidato de Casa Nova, TUM embora eleito, em Paulo Afonso teve votação pífia. Apenas 80 votos. O presidente do PSB, João Bosco esperava bem mais. Mesmo assim Tum se elegeu  com 40.362 votos

Outros candidatos a deputado federal como Aleluia, Lúcio Vieira Lima, Benito, Antônio Imbassahy e Juthay Magalhães Junior, foram sumariamente excluídos vida pública.

 


Últimas

1 até 20 de 5087   Próximo »   Último »
Busca



Enquete

Se você tivesse o poder do voto, em quem você votaria para ser o novo presidente da câmara de vereadores de Paulo Afonso?















Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados